Planserv pode mudar sistema de marcação de consultas; Saeb nega medida - Fala Alagoinhas News | Informação com dinamismo !

Planserv pode mudar sistema de marcação de consultas; Saeb nega medida

Share This
Planserv pode mudar sistema de marcação de consultas; Saeb nega medida
O Planserv, plano de saúde dos servidores públicos da Bahia, tem sido alvo de muitas reclamações por parte de seus usuários. Entre os principais problemas apontados, está o agendamento de consultas. Segundo informações obtidas pelo Bahia Notícias, o sistema deve ser alterado, passando a ser feito pelo beneficiário através do site do Planserv já a partir do mês de setembro.
Porém, a informação foi negada pela Secretaria de Administração da Bahia (Saeb). Procurada pelo BN, a pasta explicou que o comunicado que circula entre os usuários não foi feito pelo Planserv e que não produziu informativo sobre mudança no sistema de agendamento de consulta. Disse também que todas as medidas adotadas são amplamente divulgadas pelo plano aos seus beneficiários, que atualmente realizam agendamento através de contato direto com os prestadores e ainda contam com o suporte da central de atendimento 24 horas.
A professora estadual Vanusa Monteiro, que é usuária do Planserv há 27 anos, avalia que o atual serviço de marcação é “complicado”.
“O serviço de marcação de consulta é bem complicado. Precisei de um serviço de psiquiatria, no mês de maio, e só tinha agenda para o mês de setembro. Quem está precisando agora não vai esperar. Tive que pagar uma consulta particular. Agora com essa notícia de agendamento pelo site, espero que não tenhamos prejuízo, pois já é difícil marcar uma consulta, conseguir um atendimento”, comentou a servidora.
“O plano não tem inadimplência, pois já vem no contra-cheque (desconto), então poderia ter uma qualidade melhor”, conclui Vanusa.
Os servidores do estado, em específico os professores, já vinham sofrendo com dificuldades no novo sistema de Recursos Humanos do estado, por interferi no pagamento.
Cláudio Meirelles, diretor de organização do Sindicato dos Servidores da Fazenda da Bahia, comentou que o Sindsefaz já fez forte campanha contra redução do financiamento do Planserv. “Conduzimos essa campanha, que resultou na ocupação da Assembleia Legislativa, e de lá para cá houve uma mudança de gestão do plano e essa nova administração se prontificou a resolver qualquer dúvida na utilização do serviço”, comentou Cláudio.
O administrador do sindicato vê que o governo vem evoluindo e se mostrando mais receptivo, mas mesmo assim tem preocupação com a qualidade do serviço, pois é a única opção para os servidores. “Hoje, em geral, só se tem essa opção, já que os outros planos são muito caros para o salário do servidor”.
O Sindisefaz defende que o plano tem que continuar e que, caso seja realmente implantada, a medida aparentemente pode facilitar, mas que é preciso cautela por se tratar de uma novidade.
A Qualirede, empresa que cuida da gestão do Plansev, informou em nota enviada ao Bahia Noticias que foi contratada pelo Planserv em dezembro de 2017 para os serviços de consultoria, serviço de apoio operacional e operação dos programas de promoção e prevenção em saúde, através de licitação. No texto, a empresa disse que todos os temas relacionados aos clientes da Qualirede devem ser abordados com os clientes e que a mesma regra vale para o Planserv. 
A Qualirede reforça ainda que o contrato “vem sendo cumprido em sua integralidade, seguindo os valores éticos que sempre nortearam as ações da empresa”, e que somente na cidade de Salvador possui dois escritórios e mais de 430 funcionários dedicados exclusivamente ao Planserv. Questionada sobre o sistema de agendamento pelo site, a Qualirede não respondeu. (Boção News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

test banner

Pages